Diese Webseite nutzt Cookies

Diese Webseite nutzt Cookies zur Verbesserung des Erlebnisses unserer Besucher. Indem Sie weiterhin auf dieser Webseite navigieren, erklären Sie sich mit unserer Verwendung von Cookies einverstanden.

Einige dieser Cookies sind technisch zwingend notwendig, um gewissen Funktionen der Webseite zu gewährleisten.

Darüber hinaus verwenden wir einige Cookies, die dazu dienen, Informationen über das Benutzerverhalten auf dieser Webseite zu gewinnen und unsere Webseite auf Basis dieser Informationen stetig zu verbessern.

Telefon: +49 7467-9497-200

Monitorização de ferramentas sem perda de ciclos de trabalho

O BK Mikro é um sistema mecânico fiável para monitorização de peças e rupturas de ferramentas.

O sistema completo BK Mikro9 inclui:

  • Uma unidade de comando (BK Mikro91, BK Mikro92 ou BK Mikro93; módulo de expansão opcional BK Mikro9I/O)
  • Uma sonda (TK 7A/RL, TK 8A, TK91A, TK94 etc.)
  • Um cabo de ligação

Monitorização de ferramentas com o BK Mikro:

A agulha comandada pela sonda e isenta de potencial detecta as posições ou as áreas dos objectos durante o ciclo de trabalho da máquina. Uma unidade de comando com base num microcomputador acciona o movimento da agulha assim que detecta um sinal externo ou recebe uma mensagem do mestre PROFIBUS (PLC). O resultado de amostragem obtido pela sonda é depois comparado com os valores teóricos predefinidos (por teach-in ou parâmetros predefinidos) na unidade de comando e transmitido para o comando da máquina como mensagem de OK ou KO através de contactos de relé (entradas/saídas digitais) ou de PROFIBUS. Cada desvio pode provocar a paragem imediata da máquina.

Utilizações:

  • Monitorização de ferramentas: ruptura / presença / carregamento / detecção
  • Controlo de peças: alimentação / ejecção / posição / localização
  • Verificação de moldes: profundidades de perfuração / cavidades / contorno / tolerância

Variantes:

Funcionamento com ligação Profibus
A monitorização é efectuada com a indicação das especificações (ângulo/tolerância/etc.) pelo mestre PROFIBUS (PLC). Neste modo de funcionamento, toda a gama de funções do aparelho está à disposição e o número de ferramentas monitorizadas é ilimitado.

Funcionamento com entradas/saídas digitais – parametrização com a ajuda de um PC

A parametrização dos dados de objectos da ferramenta é criada num PC, transmitida para a unidade de comando através de USB e comandada de modo digital (pelo PLC) na utilização. Em combinação com o módulo de expansão, é possível programar e monitorizar até 512 objectos/ferramentas. Consoante a unidade de comando aplicada, está disponível uma funcionalidade completa ou reduzida.


Aplicação típica do BK Mikro92/93

Funcionamento com entradas/saídas digitais – parametrização através dos interruptores basculantes
Para um manuseamento simples – também sem PC – é possível ajustar as funções mais importantes (marcha para a direita/esquerda da agulha, monitorização de objectos ou espaços livres, determinação da intensidade de exploração) no módulo de expansão de entrada/saída.


Aplicação típica do BK Mikro92/93 com módulo de entrada/saída

Características especiais:

  • Todos os valores teóricos podem ser configurados facilmente através de PROFIBUS ou do software de configuração.
  • Valores teóricos a consultar: número ilimitado com PROFIBUS, 512 ferramentas ou posições com o módulo de expansão de entrada/saída.
  • O sistema dispõe de possibilidades de diagnóstico abrangentes. As avarias também podem ser facilmente localizadas e eliminadas através do software de configuração.
  • Possibilidade de exploração axial em relação à extremidade de uma ferramenta (deixa de haver necessidade de espaço para um ângulo de rotação lateral).
  • Controlo de ferramentas totalmente diferentes, bem como do seu depósito correcto no carregador.
  • As agulhas de exploração com um máximo de 610 mm de comprimento permitem uma grande distância entre a ferramenta e a sonda, se necessário.
  • Possibilidade de controlo de ferramentas rotativas até ao diâmetro mínimo de 0,3 mm.

Outras funções:

  • Possibilidade de selecção de marcha para a direita ou para a esquerda da agulha (consoante o modelo de sonda ligado).
  • Monitorização do retorno.
  • Intensidade de exploração de 8 níveis.
  • Detecção de rupturas de cabos.
  • Os tempos principais das máquinas não são influenciados.
  • Margens de tolerância seleccionáveis.
  • Adaptador de ar de bloqueio opcional para utilização em locais de processamento com refrigerantes especialmente agressivos.

Dados técnicos das sondas

  TK7A/RL TK8A TK 9 1A TK 9 4 TK 9 6
Invólucro  
 
Alumínio anodizado
 
 
aço inoxidável
Grau de protecção  
IP67
 
Comprimento da agulha 165 mm (padrão), diâmetro de 1,2 mm, agulha de exploração substituível  
  • 380 mm com placa de exploração de 80 mm x 15 mm
  • 284 com placa de exploração de 65 mm x 15 mm
  • Agulha substituível
 
Máx. 610 mm com placa de exploração de 120 mm x 15 mm 165 mm 100 mm
Ângulo de exploração  
  • max. 270° (-A)
  • max. 360° (-RL)
max. 300° (com batente) max. 300° (com batente)  
  • max. 270° (-A)
  • max. 360° (-RL)
 
 
  • max. 270° (-A)
  • max. 360° (-RL)
 
Ligação à unidade de comando  
Conector circular pequeno M12 x 1, 8 pólos
 
Temperatura ambiente  
0°C … +80°C
 
0 °C ... +65 °C
Ciclos de trabalho  
>5 milhões com uma intensidade de exploração mínima
 

Dados técnicos das unidades de comando

  BK Mikro 9 1, 9 2, 9 3 BK Mikro 9 I/O
Invólucro/grau de protecção  
Invólucro de material isolante, classe de protecção II, aparelho encastrável
 
Dimensões (L x A x P)  
22,6 mm x 99 mm x 113,6 mm
 
Fixação do invólucro  
Calha perfilada de 35 mm em conformidade com a norma DIN EN 50022
 
Tensão de alimentação 24 V DC ±20% Imax = 0,4 A -
Consumo de potência máx. 10 VA -
Tensão de comando 24 V DC ±20% 24 V DC ±20%
Entradas  
Separação galvânica, corrente de entrada aprox. 5 mA, duração mín. impulsos 30 ms
 
Saídas de comutação 2x 30 V DC, 2 A máx. 2 interruptores de “high side” com corrente de saída máxima de 0,5 A
Vida útil do relé Min. 10 5 operações -
Ligações  
  • Alimentação de tensão
  • Entradas de comando
  • Saídas de relé
  • Ligação da sonda: Conector circular de 8 pólos
  • Mini-USB
  • PROFIBUS: conector fêmea Sub-D, 9 pólos (só no 91 Premium)
 
Terminais roscados encaixáveis para:

    • 10 entradas
    • 2 saídas (com alimentação de tensão)
     
Condições climáticas  
De acordo com a classe 3K3 segundo a norma EN 50178
 
Temperatura ambiente  
0°C a +50°C
 


para trás